Suttile e Vaciski obtém declaração de ilegalidade na cobrança de ISS sobre direitos de imagem do Atl

Em decisão publicada em novembro, o Tribunal de Justiça de São Paulo declarou inconstitucional a cobrança do ISSQN em Contratos de Cessão de Direito de Imagem de atleta Profissional de Futebol.


Em julgamento, foi destacado que o fato gerador do ISSQN é uma obrigação de fazer, enquanto a obrigação para os atletas constante nos referidos contratos de imagem são tão somente obrigação de ceder, portanto, não há a incidência deste imposto municipal.


Diante da ilegalidade na cobrança, o Município de São Paulo foi condenado a restituir os últimos 5 anos de impostos pagos de forma equivocada ao atleta, com a devida correção monetária.

1 visualização0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

O nexo concausal é aquele que de alguma forma contribui para a produção ou o agravamento de um resultado. Nos casos que envolvem dano moral em virtude de doença ocupacional, a concausa será suficiente

Quando o empregador age de forma agressiva, desrespeitosa e discriminatória com o empregado, causando-lhe humilhação e constrangimento, dor íntima e baixa estima, ferindo a sua honra e dignidade, conf